O Colectivo OSSO visa estimular uma conversa entre seus artistas associados e a comunidade artística e de investigação. Isso inclui parceiros nacionais e internacionais, bem como investigadores residentes convidados ou acolhidos por meio de Chamadas Abertas. Com um forte foco em abordagens baseadas na investigação prática, o colectivo promove metodologias experimentais que enfatizam os processos artísticos como sistemas dinâmicos e plurais.

O programa de investigação da OSSO envolve uma série de actividades, quer internas, quer em conjunto com parceiros locais, nacionais e internacionais – académicos e não académicos. Isso inclui residências artísticas, dias abertos, workshops, grupos de foco, colóquios, bem como diferentes tipos de publicações. Essas actividades permitem-nos desenvolver de forma mais aprofundada os vários projectos artísticos, e reflectir criticamente sobre seu processo criativo e as suas implicações na comunidade local e geral.

Essas actividades estão distribuídas em diferentes categorias de investigação que incluem por um lado, as teses de membros da OSSO decorrentes de investigações académicas individuais, e por outro, projectos de investigação colectivos onde constelações de investigadores internos e convidados se dedicam a uma reflexão temática.


PARCEIROS
Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical (CESEM)
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (NOVA FCSH – INET-md)
Laboratório de Investigação em Design e Artes (LIDA-ESAD)
Sonic Arts Research Centre, Queen’s University Belfast (SARC)



TESES