TRABALHO DE INVERNO é uma peça sonora e performativa cujo centro são três instrumentos de pedra (Litofones), reconfiguração dos moínhos manuais arcaicos, que usam a força e o peso de duas pedras duras — uma estacionária (dormente) e outra que choca (movente). O som resultante do movimento das pedras é amplificado e simultâneamente modelado electronicamente e difundido através de um sistema quadrifónico para a espacialização do som na sala. Quando tocados simultâneamente, os três litofones criam uma miríade de harmonias e ressonâncias, vítreas e arenosas, numa sucessão de longos ciclos sonoros e mecânicos.
Para além do trabalho sonoro o projecto contempla uma dimensão visual e expositiva, em permanente construção, funcionando como uma cintura exterior para onde divergem os elementos (desenhos, fotografias, textos e diagramas) e toda a documentação criada em torno do projecto.


título: Trabalho de Inverno
grupo: Matéria Simples
equipa: João Pimenta Gomes, Pedro Tropa, Teresa Santos.

VÍDEOS

RIDER TÉCNICO

– 2 Litofones (pedra calcário + tijolo argila) com suporte acústico em madeira.
– Sintetizador modelar; sampler/granular + clouds + filtros.
– 2 microfones cardiódes tipo Oktava Mk-012 + suportes de mesa.
– 2 microfones de contacto AKG c411 pp.
– 1 pedal Eventide Black Hole.
– 1 mesa mistura 6/8 canais.
– sistema quadrifónico de 4 monitores nearfield activos + suportes.
– 2 mesas baixas com 45cm alt. (180x80x45 + 100x80x45)
– 3 bancos madeira